Como aproveitar corretamente uma varanda?
sexta, 16 de agosto de 2019 Homify Ida Gaspar JDias

Não precisamos só do bom tempo, para nos preocuparmos com a nossa varanda ou terraço. Se esta for aproveitada corretamente, conseguimos usá-la o ano inteiro, nas mais variadas formas.

A varanda é um espaço privilegiado na nossa casa, é banhada por uma luz natural incrível, está aberta para o exterior, podemos desfrutar do sol, mesmo no inverno. Enfim, não temos dúvidas que quem tenha uma varanda bem organizada e bonita acaba por passar lá grande parte do tempo!

De modo a aproveitá-la ao máximo, a homify decidiu partilhar consigo algumas ideias fáceis e diversificadas, que deixarão a sua varanda incrível. Tudo depende do que pretende fazer na sua varanda…

Um lugar de descanso e leitura? Uma horta na varanda? Fechá-la com vidro? Um bonito alpendre moderno?

Enfim, temos aqui uma mão cheia de ideias giras, simples e algumas baratas. Por isso, arregaça as mangas e mãos à obra!

Como mobiliar uma varanda?

Não hesite em mobiliar a sua varanda, como se tratasse de uma outra divisão da sua casa, nomeadamente se esta for grande. Será muito mais funcional e mais agradável. Forneça a este espaço o estilo que corresponde ao uso pretendido:

  • Para relaxar;
  • Reunir-se com a família à volta de refeições ou aperitivos;
  • Ler e descansar;
  • Meditar.

 

É muito importante escolher o mobiliário exterior de acordo com as suas dimensões. As varandas muito grandes acomodam facilmente cadeiras confortáveis ​​e uma área de jantar. Quanto ao estilo dos móveis, basta escolher um tema específico: elegante, clássico, sóbrio, colorido, zen, branco, etc.

Numa varanda de menor dimensões pode-se pensar numa mesa dobrável para refeições. Também pode ser reservado um espaço para colocar uma rede, ideal para relaxar, dormir ou ler um livro. Pense em pufes que se ajustam à forma do corpo, seja sentado ou deitado, uma alternativa sensata às redes ou aos bancos.

2. Como decorar uma varanda

Uma varanda não precisa de ter um mobiliário exterior específico. Pode, perfeitamente, adaptar acessórios para criar conforto e embelezar a área. Tapetes, almofadas, lanternas, um banco de madeira e pronto, uma varanda bem cozy para desfrutar das noites de verão na sua varanda.

Uma excelente alternativa para contemplar as estrelas com a sua cara metade!

Que materiais escolher?

A escolha dos materiais irá depender de vários fatores:

  • o seu orçamento
  • o seu estilo
  • uso/finalidade da varanda
  • circulação do local
  • família com ou sem crianças
  • presença de animais domésticos
  • a sua região
  • as condições climatéricas

 

Se quiser colocar peças mais sensíveis à chuva, não se esqueça de retirá-las da sua varanda, para preservá-las mais tempo.

Como decorar as paredes de uma varanda?

Não negligencie as paredes da sua varanda ou terraço. De facto, nem sempre nos lembramos de as decorar.

Pode decorá-las como nos ambientes internos, nomeadamente com armários e prateleiras para arrumar almofadas e outros acessórios. A escolha da cor das paredes irá muito ao encontro da decoração da varanda.

Nota: as varandas dos prédios não poderão ser pintadas de qualquer cor, uma vez que fazem parte da fachada do imóvel. Esta questão deverá ser discutida em reunião com todos os seus representantes.

Como ter uma varanda de vidro?

Ter uma varanda fechada é uma opção muito válida, mas uma vez mais alertamo-lo para o facto de ser necessário uma autorização do condomínio, se viver num prédio. Faça sempre tudo de forma legal, para não ter problemas e chatices com os seus vizinhos e não só.

Ter uma varanda de vidro é uma excelente alternativa para desfrutar deste espaço todo o ano, porque está protegido do vento e da chuva. Tem, assim, um ambiente muito confortável e agradável.

Para ter uma varanda de vidro deve contratar um profissional especializado na área, não só pela dificuldade da montagem, mas também porque a estrutura deve ser feita com um vidro adequado que ofereça resistência a impactos, à pressão do vento e às variações de temperatura.

Embora existem vários benefícios numa sacada de vidro, esta é uma solução que requer cuidados e uma manutenção específica, para que o material mantenha a sua qualidade e o sistema de envidraçamento continue como deve ser. Neste sentido, é necessário realizar manutenções periódicas e contratar um serviço de manutenção.

Como criar uma horta na varanda?

As varandas citadinas precisam de algum verde, para quebrar o lado mais frio e cimentado de tudo o que a envolve.

Além disso, é uma excelente alternativa para cultivar alguns vegetais e frutas. Uma atitude sustentável, económica e que deixa qualquer um muito orgulhoso.

Mesmo numa pequena varanda consegue criar uma horta. Como? Usando a verticalidade, isto é, as paredes. De facto, não precisa de muito espaço para cultivar hortícolas (qualquer m2 é útil para produzir uma série de coisas). Se quiser começar já amanhã, pode iniciar esta aventura com um ou dois vasos e à medida que ganha mais confiança vai aumentando a produção e a variedade da mesma. Não precisa de comprar vasos novos, pois pode recuperar caixas ou outros recipientes que tem em casa. Por exemplo, as caixas de fruta são excelentes floreiras para hortícolas. Coloque, se quiser, uma estrutura de madeira ou ferro para pendurar o vaso na parede!

 

O que plantar na varanda?

Pode começar com ervas aromáticas, tomates cerejas, tomates, morangos, batatas (com uma planta obtém várias batatas), beringelas, ervilhas, favas, rúcula, cenouras, pimento, piripiri, alfaces, couves.

Dica: faça uma escolha inteligente e cultive o que consome. Atenção que a ideia é de seguir o calendário de plantações.

Como iluminar a varanda?

Por fim, mas não menos importante, deve iluminar corretamente a sua varanda se quiser aproveitá-la ao máximo.

Existem várias formas de o fazer:

  • Candeeiros – pode colocar um ou vários nas paredes da sua varanda. O ambiente fica agradável para desfrutar do jantar pela noite fora;
  • Spots – coloque alguns no teto da sua varanda. São excelentes alternativas para criar uma iluminação decorativa. Funcionam bem para iluminar a zona de refeições ou para valorizar jardins verticais. Alguns modelos de tamanho reduzido ficam excelentes embutidos em marcenaria;
  • Pode utilizar LEDs ou lâmpadas solares que de dia decoram e de noite iluminam sem gastar eletricidade. Para momentos mais pontuais podem ser utilizados elementos como lampiões, grinaldas de luzes ou velas elétricas ou de cera para criar um ambiente romântico.
Este sitio web utiliza cookies para mejorar la navegación de nuestros usuarios. Al navegar por el sitio está accediendo a su uso. Cerrar o saber más