Como usar espelhos na decoração
sexta, 09 de agosto de 2019 Homify Elisabete Figueiredo JDias

Os primeiros vestígios de espelhos datam de 6000 a.c. Nessa altura os espelhos eram apenas superfícies altamente polidas de obsidiana, uma pedra vulcânica negra com grande concentração de sílica. Depois começou a utilizar-se cobre (Egipto) e bronze (China) polidos como superfícies reflectoras, tornando mais fácil a criação de espelhos, mas ainda estava longe de ser um item comum em qualquer casa.

 

Algures pelo século I começaram a produzir-se espelhos com um método semelhante ao actual, mas utilizava ouro no revestimento posterior, o que fazia destes espelhos um artigo de alto luxo.

Só no século XVII surgiram os primeiros espelhos feitos com uma fina camada de prata sobre vidro, o que ajudou a massificar a utilização destes elementos em casas por todo o mundo. Actualmente o método da aplicação de prata mantém-se, sendo complementada por tinta preta que ajuda a proteger a prata (que oxida facilmente em contacto com a humidade) e impede que a luz absorvida se dissipe pelo metal.

 

Usar espelhos na decoração tem vantagens bem conhecidas e nos nossos dias temos a sorte de poder contar com espelhos relativamente baratos e produzidos em larga escala. Podemos usar e abusar!

Hoje falamos de espelhos. Vamos descobrir o como e o porquê de os usar em decoração e até um pouco da filosofia do Feng Shui aplicada a este elemento. Acompanhe-nos!

Redondo? Quadrado? Oval?

Os espelhos são símbolos de luminosidade, luxo, beleza e elegância, mas na hora de escolher o espelho certo para o seu espaço é preciso ter alguns cuidados, nomeadamente com a escolha do formato. Pela sua exuberância, os espelhos mal utilizados podem rapidamente transformar um ambiente que se queria elegante num espaço excessivo. Encontrar o equilíbrio é fundamental.

A escolha do formato do espelho tem muito a ver com os seus gostos, mas também deve avaliar as condicionantes do espaço e o objectivo que pretende implementar.

Se o seu objectivo é ampliar o ambiente, tornando-o visualmente mais espaçoso, a melhor escolha será um espelho quadrado ou rectangular. Esta é uma solução muito interessante em salas pequenas.

Se o espelho cobrir toda uma parede vai duplicar instantaneamente a área e se for um rectângulo grande vai proporcionar um bonito efeito de janela, muito útil em ambientes onde não as há (ou são insuficientes). Para estas finalidades as melhores escolhas são, sem dúvida, os espelhos de parede, rectangulares ou quadrados.

Os espelhos redondos ou ovais são perfeitos para dar dinamismo ao ambiente e para criar pontos de luz, sendo ideais para propostas de decoração românticas ou informais. Eles também são excelentes para criar focos de destaque no ambiente, como por exemplo ao serem colocados por detrás de uma peça de arte para a valorizar.

Não têm um efeito ampliador tão evidente, mas dão muito estilo e um toque original à decoração. Numa sala pequena utilize espelhos redondos ou ovais mais pequenos, evitando assim a desproporcionalidade.

Pequeno ou grande?

Como referimos, a chave é a proporcionalidade, mas também é importante pensar no efeito que quer obter. É tudo uma questão da imagem pretendida e da tendência do momento.

Um espelho grande numa área pequena vai funcionar muito bem, ajudando a torná-la mais ampla, sobretudo se for quadrado ou rectangular, como vimos atrás, mas o contrário pode não ser verdade. Um espelho de pequenas dimensões numa parede enorme pode ter um efeito absolutamente nulo na decoração ou até ficar a parecer deslocado, em especial se não houver mais nenhum elemento decorativo a apoiá-lo.

Por outro lado temos a questão da funcionalidade. Um espelho grande será sempre mais funcional, permitindo que tenha um reflexo abrangente de si próprio, importante nos espelhos para quarto e hall de entrada. Um espelho pequeno terá sempre funções mais decorativas ou mais específicas, como os espelhos de aumentar, para maquilhagem.

Com ou sem moldura?

Uma vez mais, o seu gosto vai prevalecer. A grande questão é no estilo. Os espelhos sem moldura são geralmente conotados com estilos mais modernos e minimalistas, mas isso não significa que não possa adicionar uma moldura com estas características.

As molduras tornam os espelhos decorativos mais atraentes, permitindo destacá-los e valorizá-los. Na sua origem as molduras surgiram como forma de suportar o espelho e de o proteger (era tão caro… ), mas rapidamente se tornaram num elemento decorativo estreitamente associado a esse luxo.

De forma muito simples e directa podemos dizer que as molduras muito trabalhadas, com arabescos ou outros motivos, de madeira entalhada ou de metal fundido, são especialmente indicadas para decorações de estilo clássico. As molduras mais finas e rectas devem ser usadas em decorações modernas, clean e minimalistas, o que também é muito válido para os espelhos sem moldura. Em decorações rústicas, de inspiração campestre ou marítima, as molduras de madeira são as mais utilizadas. Se pretende criar um ambiente ecléctico pode optar por misturar molduras em vários estilos, mas neste caso é preciso tacto e harmonia, sob pena de ficar com um espaço desagradavelmente desconexo.

Os espelhos por medida podem ser a solução para ter a peça ideal para a sua casa!

Onde devo colocar?

O posicionamento dos espelhos é um tema de suma importância!

  • Casa de banho – os espelhos em casa de banho são perfeitos para dar mais luz e mais dimensão a espaços normalmente pequenos, mas o seu objectivo maior é auxiliar na higiene diária e na vaidade quotidiana. Só que um mau posicionamento pode arruinar tudo! A não ser que seja uma preferência sua, deve evitar colocar espelhos em frente à sanita e deve ter o maior cuidado com reflexos cruzados. Não é nada agradável abrir a porta da casa de banho e a imagem aparecer reflectida no espelho do corredor, arruinando a privacidade, por exemplo.
  • Sala de estar - Controlar o posicionamento do espelho para que este reflicta uma imagem interessante é uma premissa válida para todos os espaços! Certifique-se sempre de que o seu espelho apenas reflecte aquilo que quer ver reflectido, em especial coisas boas e bonitas. Se da sua janela se avista lugares feios, um aterro ou um cemitério evite colocar o espelho em frente à janela. Na sala de estar cuide para que os reflexos dos espelhos não o incomodem quando estiver a ler ou a ver televisão.
  • Quarto – uma vez mais, a não ser que goste, evite colocar espelhos directamente virados para a cama, na sua linha de visão. Os reflexos podem dificultar a transição para o sono, impedindo-o de dormir bem.
  • Aproveite as portas dos armários da casa, se não entrarem em conflito com o referido sono. Esta colocação é excelente para poupar espaço em espaços limitados.
  • Hall de entrada – um espelho no hall de entrada é excelente para dar mais amplitude a um espaço normalmente pequeno, para dar aquela revisão rápida ao visual antes de sair de casa e para um ar mais sofisticado. Porém evite que o espelho reflicta o interior da casa, revelando a sua intimidade. Por outro lado, segundo as regras do Feng Shui, o posicionamento em frente à porta é bastante desaconselhado, acreditando-se que o espelho irá reflectir toda a energia chi que entra pela porta e expulsá-la para fora, impedindo tanto a entrada de más como de boas energias.

O Feng Shui nos espelhos

Segundo o Feng Shui os espelhos são considerados uma das nove curas preconizadas pela filosofia. Acredita-se que eles podem ser usados para canalizar a energia chi nos ambientes e que pode ser usado para reflectir e duplicar uma imagem positiva na casa. As flores são bonitas e trazem bem-estar, então porque não duplicá-las com um espelho?

Os espelhos aumentam visualmente espaços muito estreitos e pequenos, e ajudam a iluminar locais escuros, quando colocado em posições onde possam reflectir uma fonte luminosa natural Estas capacidades são usadas pelo Feng Shui para isolar um ambiente de um problema do fluir de energias.

Ce site utilise des cookies pour améliorer la navigation de nos utilisateurs. En naviguant sur le site, vous consentez à son utilisation. Fermer ou en savoir plus