Cozinha corredor: Ideias para a decoração de uma cozinha estreita
sexta, 29 de junho de 2018 Homify Elisabete Figueiredo JDias

Cá estamos de novo, determinados a provar que a falta de espaço não é impedimento ao estilo e à funcionalidade. Na realidade, quanto menor é a área, mais aguçado tem de ser o sentido de design prático, ou de outra forma cozinhar pode tornar-se numa tarefa desagradável. 

Alturas mal estudadas, zonas inacessíveis e organização insuficiente são alguns do erros mais cometidos na planificação de cozinhas por esse mundo fora, mas quando a área disponível é estreita e comprida, temos uma cozinha corredor e aqui não pode haver margem para erros.

Mas para além dos erros de concepção, este tipo de cozinhas coloca também desafios na decoração. O que podemos fazer para decorar sem sobrecarregar o espaço e sem roubar funcionalidades?

Hoje trazemos-lhe oito sugestões de decoração para cozinhas com estas características que não vai querer perder.

 

1 – Decorações leves

 

Muitas vezes quando falamos de decorações vem à baila a velha expressão menos é mais, mas no caso destes modelos de cozinha esse ditado torna-se uma máxima incontornável. O mais correcto a fazer nestas circunstâncias é optar por decorações leves, com pouco volume, para que acrescentem beleza sem ocupar muito espaço.

Candeeiros tipo foco, ou leves, como o pequeno candeeiro em forma de jaula da imagem, são a melhor escolha em termos de decoração na iluminação. 

Opte por decorações de parede, com especial enfoque nos autocolantes de vinil. O vinil é uma solução muito apetitosa para as cozinhas, onde o ambiente com gordura e humidade tende a acabar com as decorações, pois a sua facilidade de remoção e o seu baixo preço facilita uma troca frequente, mas em cozinhas pequenas é o seu volume quase inexistente que nos entusiasma.

Usar os utensílios de cozinha como decoração também é uma boa ideia, mas aqui deve evitar prateleiras largas, preferindo calhas e ganchos. E não pendure panelas, nem nenhum recipiente volumoso, dando preferência a colheres de pau ou frigideiras (para um estilo mais rústico).

 

2 – Iluminação correcta

 

Em espaços pequenos uma boa iluminação é fundamental! Não há nada pior do que um espaço apertado e mal iluminado para parecer ainda mais acanhado. Nem sequer uma cozinha nova e moderna consegue parecer bonita se não estiver bem iluminada. Dos vários modelos de cozinha que existem no mercado, é nestes modelos condensados, com pouca luz natural, que as necessidades de luz artificial são mais evidentes, em especial quando se usam cores mais escuras no mobiliário.

Já imaginou uma linda cozinha sem uma boa iluminação? Os revestimentos de tom rústicos em microcimento são uma excelente forma de embelezar qualquer cozinha, e as cozinhas corredor não são excepção, só precisa de adicionar focos direccionados e iluminação embutida em boas quantidades. 

Se gosta mesmo de iluminação central no tecto, não se esqueça da regra do pequeno volume do candeeiro, e de incluir mais iluminação embutida complementar. Pode embutir a iluminação no tecto e/ou nos armários, e até pode incluir retro-iluminação ou luz a partir do pavimento. As novas tecnologias LED põem à sua disposição uma infinidade de propostas, para encontrar a perfeita para a sua cozinha.

 

3 – Cores claras

 

Esta dica é muito conhecida, pois as cores claras são as melhores amigas do espaços pequenos. Mas cores claras não significam necessariamente tudo branco. Actualmente há uma grande paleta cromática nos materiais, e não apenas nas tintas e revestimentos, mas também em móveis e bancadas.

4 – Apontamentos de cor

 

E de novo a cor como estrela numa decoração de base neutra! Não precisa apenas de cores escuras no contraste, nem de muitos acessórios, se decidir incluir alguns elementos bem escolhidos numa cor forte. 

A sua cozinha é toda branca? Que tal cadeiras amarelas ou vermelhas? 

Cozinha creme? Cadeiras castanhas ou verdes ficam perfeitas… E quem dias as cadeiras diz uma bancada ou apenas uma porções dos armários. Jogue com o contraste entre cores opostas, mas apenas em pequenos apontamentos para evitar uma sobrecarga visual que apenas tornaria o espaço aborrecido, oferecendo o efeito contrário ao que se pretendia!

 

5 – Branco e madeira

 

Agora temos uma sugestão para os amantes do estilo escandinavo! Branco e madeira – haverá combinação mais perfeita? Esta combinação de tonalidades é tão bonita que dispensa grandes acessórios, mas se faz questão pode complementá-la com cestinhos em fibras naturais ou pequenos acessórios de estilo rústico. Evite objectos com muitas cores, ou com cores demasiado impositivas, pois a ideia é manter um espaço harmonioso, luminoso e desimpedido.

Um tapete baixo, com um padrão geométrico em cores neutras é uma adição perfeita ao estilo.

 

6 – Móveis modernos e um pouco de natureza

 

Uma boa escolha estética para decoração de um cozinha pequena corredor é o estilo moderno. Por causa das suas linhas rectas e design compacto, os móveis modernos ajudam à distribuição espacial, sem sobrecarregar a área com elementos volumosos e salientes. Obviamente isto é uma sugestão, pois como veremos adiante, é possível ter uma cozinha corredor com mobiliário de inspiração clássica, no entanto quanto mais estreita é a área mais útil se torna.

Outra dica inspiradora é manter tudo simples e basear a atmosfera num pouco de natureza trazido por um vaso com plantas verdes. Além de ter decoração pode ficar também com uma fonte de ervas aromáticas ali à mão! Fácil, não?

 

7 – Um pavimento diferente

 

E que tal dar todo o efeito visual da sua cozinha corredor através de um pavimento original? 

Um bonito chão em mosaicos hidráulicos com padrão geométrico de inspiração tradicional é uma escolha arrojada que compensa. Os restantes elementos do conjunto foram mantidos básicos, em branco e madeira, para dar todo o protagonismo ao chão, com um padrão em tons de cinzento. O resultado é uma cozinha muito familiar, com um toque a lembrar as cozinhas antigas. 

Apaixonante, não é? E nem sequer sai muito caro! Lembre-se de que o pavimento de uma cozinha corredor tem uma área muito pequena! 

8 – Ricas verticais

 

E por último mostramos que é possível ter uma cozinha de inspiração clássica e campestre numa cozinha corredor.

Apesar do seu formato longo e estreito esta cozinha tem uma área mais generosa do que outras que mostrámos e isso dá um pouco mais de liberdade criativa. Os armários são clássicos, com puxadores salientes em barra, o que pode ser contraproducente em áreas mais pequenas, mas que aqui faz todo o sentido. As riscas verticais dão uma dimensão de verticalidade, dilatando o espaço, tornando-o mais amplo. 

E a combinação de branco, madeira e azul? Não faz lembrar a praia? Simplesmente fabulosa!

Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site está a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais