5 erros comuns para não fazer ao organizar sapatos
sexta, 17 de julho de 2020 Casa Vogue Giovanna Oliveira Jdias

Até mesmo mantê-los na caixa pode não ser tão saudável assim para os calçados!

 

Como qualquer outra peça de vestuário, os sapatos precisam ser bem guardados e higienizados para que tenham boa durabilidade. No entanto, a correria do dia a dia ou até mesmo a falta de espaço para uma ampla sapateira fazem com que os cuidados com os calçados não sejam tão precisos. 

Algumas soluções inteligentes, como uma sapateira no hall de entrada ou a utilização de nichos para armazenar os calçados, podem ser uma boa opção para preservar os pares. O problema é que, em muitos casos, até algumas medidas que são pensadas com as melhores intenções podem acabar danificando os calçados.

Por conta disso, selecionamos cinco erros que costumamos cometer na hora de guardar os sapatos. Além disso, a personal organizer Cora Fernandes listou algumas soluções para evitá-los. Confira!

1. Um par em cima do outro

Ao organizar os sapatos em espaços pequenos, é comum que o par seja colocado em cima do outro. No entanto, esta prática não é recomendada, pois além de danificar os sapatos, ainda faz com que o tempo gasto para encontrar um par seja maior. Por conta disso, segundo a personal organizer, o ideal é colocar um pé atrás do outro.

2. Calçados na caixa de papelão

Muitas pessoas gostam de manter os sapatos dentro das caixas, até mesmo por achar que a medida preserva os calçados. Entretanto, a caixa de papelão faz com que os sapatos não respirem e mofem. Por conta disso, de acordo com Cora, a melhor alternativa para quem prefere mantê-los em caixas, é utilizar caixas plásticas com uma abertura na lateral.

3. Botas dobradas

Deixar as botas de cano alto dobradas, apesar de parecer uma forma de otimizar o espaço, é uma medida que pode danificar os calçados e criar marcas, caso seja de couro. Assim, se você possui botas neste estilo, é importante planejar uma sapateira que possua nichos altos para colocá-las. Além disso, segundo Cora, uma opção para evitar que as botas dobrem é inserir uma boia espaguete (que é geralmente utilizada em piscinas) no interior do calçado na hora de guardar.

4. Sapatos misturados

Manter os sapatos misturados faz com que o tempo gasto buscando um calçado específico no dia a dia seja muito maior. Além disso, mantê-los desta forma faz com que você não consiga ter noção da quantidade de sapatos que possui. De acordo com a organizer, é importante organizá-los por estilo. Outro método importante é manter no alto ou no meio da sapateira os calçados que são utilizados com mais frequência, enquanto os que são menos usados devem ficar na parte de baixo.

5. Guardar os sapatos sujos

Na correria do dia a dia, às vezes parece tentador chegar em casa e já guardar os sapatos antes de limpá-los. Contudo, além de ser um hábito anti-higiênico, esta medida pode sujar os outros calçados e danificá-los. Segundo Cora, uma alternativa para este caso é ter um móvel de apoio na lavanderia ou na entrada de casa para colocar os sapatos até que eles sejam limpos.

Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site está a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais